Alfinetes: moda do punk ao pop

Alfinetes: moda do punk ao pop

A moda é um campo que sempre se baseou em movimentos culturais fortes para trazer ao mainstream acessórios, roupas e sapatos cheios de informações. Da mesma forma ela pode determinar novos estilos que irão predominar na estação. Já há algumas temporadas o étnico está batendo carteirinha no mundo fashion, mas dessa vez o punk também vem fazendo sua contribuição.

Alfinetes: moda do punk ao pop

Os alfinetes de segurança apareceram como um adereço em roupas e acessórios em desfiles de marcas conceituadas. Antes de participar e ser um item requisitado da moda, contudo, os alfinetes trazem uma história de anti-moda e rebeldia herdado do movimento punk.

A sua história começa na Inglaterra por volta dos anos 60, quando Malcolm McLarem, em conjunto com sua esposa Vivienne Westwood, vestiu a banda Sex Pistols com referências do estilo punk do jovem Richard Hell, encontrado por McLarem em uma de suas visitinhas aos EUA.

Alfinetes: moda do punk ao pop

Nos Estados Unidos o movimento punk era bastante radical e excêntrico. Além de utilizar os alfinetes de segurança como peças para costurar os rasgos de suas roupas, os adeptos ao movimento também o usavam como piercing, que perfurava orelhas, bochechas e lábios.

Esse foi o grande boom que os acessórios precisavam para serem reconhecidos como itens de estilo. Com o sucesso e o passar do tempo, os alfinetes foram flagrados nos looks da Joan Jett, nos desfiles de da estilista Zandra Rhodes e Ellen Von Unwerth. Até mesmo Versace, Balmain e Herchcovitch entraram na dança ao longo dos anos.

Alfinetes: moda do punk ao pop

Recentemente, o acessório também fez parte de produções de famosas como Kelly Osbourne, Miley Cyrus, Rihanna e até mesmo as fofas Kate Nash e Jessica Alba.

Conta pra gente, você usaria ou não? 

Fotos: reproduções
Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *